EGP | http://egpjundiai.com.br

EGP relembra vítimas do Holocausto com exposição cultural aberta ao público

Publicada em 06/05/2019 às 16:59

O diretor-presidente da Escola de Gestão Pública, Silas Feitosa, realizou na quinta-feira (02) a abertura oficial da exposição “Além do Dever”, em memória às vítimas do Holocausto.

A mostra reúne cerca de 30 painéis que retratam o triste período da história, em que milhões de judeus foram mortos pelo regime Nazista de Adolf Hitler, durante a 2° Guerra Mundial.

A cerimônia contou com a presença do prefeito Luiz Fernando Machado e do vice-cônsul de Israel, Orni Ringer e reuniu autoridades e convidados, entre eles, a vice-diretora da Escola Superior de Educação Física (ESEF), Bettina Ried, que fez um emocionante depoimento ao relembrar a perseguição sofrida por seus familiares, na Alemanha de Hitler.

Em seu pronunciamento, Luiz Fernando destacou o trabalho realizado pela escola e parabenizou o presidente Silas Feitosa por difundir a cultura de Israel no município: “Israel pode nos ensinar e compartilhar muito as suas boas práticas e o município está ávido por estabelecer esse tipo de relacionamento”.

Já o vice-cônsul Orni Ringer afirmou que lembrar de algo tão trágico é importante para que a memória das vítimas, 6 milhões de judeus, entre eles 1 milhão e meio de crianças, continue viva hoje e sempre: “Lembrá-los nos faz espelhar em pessoas dignas”.

Silas Feitosa agradeceu a presença de todos, enaltecendo o valoroso trabalho dos funcionários da EGP em prol da Cultura, reafirmando que a instituição continuará investindo na área, bem como na educação, além da capacitação do funcionalismo jundiaiense: “Mais do que contribuir com a atualização profissional dos servidores públicos, estamos promovendo atividades culturais que visam resgatar o conhecimento da história, a fim de valorizar a cultura, a tradição e muitos dos valores que foram perdidos”.

Na ocasião, Silas Feitosa e o prefeito Luiz Fernando também anunciaram a revitalização da Praça da Vila Arens, em homenagem ao Estado de Israel. O vice-cônsul, ao visitar a área, ficou entusiasmado com o projeto.

A exposição ficará aberta para visitação até o dia 10 de maio, de segunda a sexta-feira, das 10 h às 16 h e aos sábados das 10 h às 14 h e deve receber grupos de escolas da região.



Link original: https://egpjundiai.com.br/2019/05/06/egp-relembra-vitimas-do-holocausto-com-exposicao-cultural-aberta-ao-publico/